Como fazer drenagem em si mesma

A drenagem linfática é útil para eliminar a retenção de líquidos, melhorar a circulação e acelerar a cicatrização depois de uma cirurgia plástica

A drenagem linfática é uma das técnicas de massagens mais famosas que existem. Ela pode ser utilizada para eliminar o acúmulo de líquidos, eliminar as toxinas, melhorar a circulação sanguínea e acelerar o processo de cicatrização depois de uma cirurgia plástica.

Por todos esses efeitos, a drenagem linfática é muito procurada por quem deseja perder medidas, já que o corpo vai desinchar e você vai perder alguns centímetros na silhueta, e também por quem deseja suavizar a celulite.

Isso acontece porque essa massagem evita a formação e ajuda a desmanchar nódulos de gordura que surgem a partir das toxinas, os quais dão origem à aparência cheia de furinhos na pele, principalmente nas coxas e no bumbum.

O ideal é fazer a drenagem linfática em uma clínica especializada, com fisioterapeutas certificados nesse procedimento. Porém, se isso não for possível para você neste momento, é possível iniciar suas sessões em casa.

Antes de começar, é importante saber que, caso você tenha feito uma cirurgia plástica, nós não recomendamos que você mesma faça sua drenagem linfática. Isso porque os tecidos ainda estão muito sensíveis e qualquer movimento errado pode prejudicar a cicatrização.

Como fazer a drenagem linfática em casa

Existem algumas técnicas que você deve seguir para obter bons resultados ao fazer a drenagem linfática em casa. Além de seguir as recomendações à risca, você deve fazer a massagem pelo menos duas ou três vezes por semana para obter resultados.

Veja o que você precisa saber para fazer essa massagem você mesma:

Faça uma boa preparação pré-massagem

Antes de começar a drenagem propriamente dita, você deve tomar um banho ou pelo menos lavar muito bem as regiões que serão massageadas. Faça isso para remover resíduos de cosméticos e garantir que sua pele esteja livre de suor.

Aproveite o banho para massagear a pele com movimentos circulares e de forma suave, com o objetivo de ativar a circulação sanguínea. Depois disso, deite-se por 15 minutos com as pernas mais elevadas, apoiadas em um travesseiro ou almofada.

Ative os gânglios linfáticos

A drenagem linfática tem como objetivo estimular a circulação da linfa, o líquido que fica no exterior das células. Para isso, é preciso que os gânglios linfáticos estejam devidamente ativados e desobstruídos, de forma a permitir que eles realizem essa função.

Cada região do corpo tem gânglios específicos. Os gânglios das pernas ficam atrás dos joelhos, os gânglios das coxas se localizam nas virilhas, os gânglios dos braços estão nas axilas e os gânglios que correspondem ao abdômen ficam em volta do umbigo.

Para ativá-los, você primeiro precisa fazer o reconhecimento desses gânglios. Utilize quatro dedos das mãos para sentir pequenas estruturas arredondadas sob a pele dessas regiões e, em seguida, faça movimentos circulares leves sobre eles por dois minutos.

Escolha um bom produto de massagem

Para fazer a drenagem propriamente, é importante utilizar um creme ou óleo que faça suas mãos deslizarem e facilite seus movimentos. Escolha um produto que contenha ingredientes ativos que estimulam a circulação e ajudem a combater a celulite, como a cafeína.

Saiba como fazer os movimentos corretamente

A primeira coisa a saber sobre os movimentos da drenagem linfática é que eles devem ser feitos sempre na direção dos gânglios. Assim, os movimentos devem ser feitos sempre de baixo para cima.

Isso significa que você deve fazer a massagem dos pés para os joelhos, dos joelhos em direção às coxas e das coxas para as virilhas. Para os membros superiores, você deve fazer os movimentos a partir das mãos até as axilas.

Nas pernas e braços, utilize o toque chamado de “bracelete”: coloque as mãos em torno desses membros formando uma pulseira e faça os movimentos em direção ascendente. Se você quiser, também pode utilizar objetos auxiliares de massagem, como o bambu.

Na barriga, os movimentos devem ser feitos com as mãos espalmadas, fazendo círculos ao redor do umbigo (onde estão localizados os gânglios linfáticos).

Tenha cuidado com a intensidade dos movimentos

A drenagem linfática consiste em uma técnica de massagem leve, por isso seus movimentos devem ser sempre suaves. Movimentos muito fortes ou rápidos não são adequados para essa finalidade e podem causar prejuízos ao seu sistema linfático.

Se a drenagem caseira ou mesmo a profissional estiver causando dor, saiba que alguma coisa está errada e você deve interromper a sessão imediatamente. Esse tipo de massagem nunca deve ser dolorido.

Contraindicações da drenagem linfática em casa

Quem está a fim de melhorar a circulação, reduzir o inchaço e combater a celulite pode ficar tranquila. Porém, pessoas que fizeram cirurgia plástica ou qualquer outro tipo de procedimento não devem fazer a drenagem em casa. Aí é mais adequado, conversar com a clínica de cirurgia plástica ou o cirurgião.

É mais indicado recorrer a uma clínica de drenagem linfática profissional, de preferência indicada pelo seu médico, para evitar causar prejuízos ao resultado da cirurgia.

Além disso, pessoas com varizes também devem evitar fazer a drenagem sozinhas, pois movimentos errados podem machucar os vasos sanguíneos e provocar o surgimento de trombos. Pessoas com infecções também não devem fazer essa massagem.

É mais seguro fazer a drenagem linfática com um fisioterapeuta

A drenagem linfática é uma massagem leve, mas, se os movimentos forem feitos de forma inadequada, ela pode causar graves prejuízos ao corpo, como lesionar os vasos ou os gânglios e piorar quadros de retenção de líquidos.

Por isso, seja porque você fez uma cirurgia plástica ou está sofrendo com inchaço, procurar um fisioterapeuta de confiança é a melhor opção para iniciar suas sessões de drenagem linfática.

(Texto: Tainá Fantin)

Gostaram dessa dica mara?

Comentem aqui o que acharam!! Beijos!

Compartilhe:
Escrito por Gabriella Cavalcante dos Santos
Consultora de imagem e estilo. Louca por moda, viagens, animais e comida. Ansiosa pra compartilhar todas minhas experiências com vocês.